Dica Do Tuguinho

Burrisse é como o mau hálito: se sofres de um dos problemas não abras a boca.

- Tuguinho

O caso teve lugar na semana passada, quando um jovem de 19 anos natural da Florida decidiu terminar a sua vida em frente a uma câmara de vídeo, que estava a transmitir imagens em directo para o site de vídeos Justin.tv.

Durante as últimas horas de vida do adolescente vários cibernautas que assistiam ao vídeo em questão nada fizeram e alguns chegaram mesmo a incentivá-lo através de comentários escritos, apesar de muitos não saberem se ele se estava mesmo a matar ou a simular.

Citado pelo jornal USA Today o pai do jovem considera que tanto a empresa que gere o site como os cibernautas deveriam ser culpados pela morte do seu filho.

«Eu acho que eles fizeram todos mal. Como ser humano, ninguém vê uma pessoa em apuros e senta-se para apreciar», sublinhou.

Apesar de alguns dos cibernautas terem alertado a policia, quando viram que não era brincadeira, as autoridades acabaram por chegar demasiado tarde.

O suicídio terá sido anunciado por Abraham Biggs num fórum on-line dedicado a musculação, mas aparentemente não foi levado a sério.

Para Keith Whitworth, um professor de sociologia da Universidade Cristã do Texas especializado em Internet e redes sociais, este caso tem algumas semelhanças com os pactos de suicidas realizados no Japão ou tiroteios em escolas nos EUA, promovidos por pessoas que apenas querem ter 15 minutos de fama.

Em relação aos cibernautas, o investigador acredita que este tipo de situações realizadas através da Internet, que garante o anonimato de quem vê, leva as pessoas a terem um determinado tipo de comportamento que não teriam se estivessem presentes.

Keith Whitworth acredita mesmo que quem incentivou Abraham Biggs enquanto cibernauta não seria capaz de o fazer se estivesse ao seu lado.

«Eles não o fariam cara a cara, mas com o computador como médium eles conseguiram afastar qualquer responsabilidade pessoal dos seus actos», afirmou ao USA Today.

O docente teme agora que este caso seja copiado por outras pessoas.

Fonte: Sol

  • Partilhar

Sou o criador do LibertyTuga e também um rapazinho de 24 anos, iniciante em web-development e web-design. Podes me seguir no Twitter ou entrar em contacto comigo no msn ou por email.

Com um total de 940 posts.

Comenta com força que é de graça!